4 minutos de leitura

A era digital tem provado trazer não apenas grandes inovações, como também diversas oportunidades de trabalho. Prova disso é o surgimento da atividade de youtuber, realizada por milhões de pessoas ao redor do mundo. Esta galera têm, através de seu sucesso nas redes sociais, conseguido faturar muito e fazer dessas atividades uma profissão e sustento de vida!

Quando o digital influencer pensa em todos os passos necessários para conseguir lançar carreira no YouTube, ele não pode esquecer de duas coisas importantíssimas: a proteção da sua marca e o cuidado com sua propriedade intelectual.

O potencial de crescimento no YouTube

O YouTube é uma das redes sociais que mais cresceu nos últimos anos. Durante a pandemia, a rede social virou queridinha dos brasileiros. Só pra se ter uma ideia, houve um aumento de 91% no tempo gasto navegando no YouTube apenas no Brasil! Isso mostra o quanto as pessoas estão buscando por novos conteúdos em diversas modalidades: entretenimento, dicas, aulas, DIY e games, para citar alguns.

No entanto, para crescer na plataforma não basta apenas produzir conteúdo e tentar influenciar pessoas. O ganho verdadeiro só vem a partir do registro da sua marca! As políticas legais do YouTube impedem que você monetize conteúdos usando marcas ou a propriedade intelectual de outra pessoa. 

Isso significa que você precisa criar conteúdo original para fazer dinheiro. Mas também significa que, ao registrar sua marca e proteger sua imagem, você garante instrumentos para impedir sua marca de ser usada indevidamente e ainda consegue pedir royalties ou a retirada imediata de conteúdos relacionados a sua marca que não tenham sido autorizados.

Um exemplo mundialmente famoso de influencer que conseguiu acumular um patrimônio de mais de $40 milhões de dólares com streaming de jogos no YouTube é o do canal PewDiePie, fundado por Felix Kjellberg, um youtuber suéco. Felix tem mais de 110 milhões de inscritos no seu canal e marca registrada em toda a Europa, Estados Unidos e Reino Unido, em classes que compreendem de produtos de vestuário a posters, além da própria classe de serviços de entretenimento.

Youtubers brasileiros que investiram no registro de marca

No Brasil, Felipe Castanhari e Felipe Neto são grandes referências de influencers que fazem sucesso em suas carreiras no YouTube. Além disso, ambos mostraram que entendem de estratégia de propriedade intelectual e buscaram se resguardar nos seus direitos.

Felipe Castanhari, ao perceber o risco que corria de ter o nome do seu Canal Nostalgia roubado, solicitou o registro da marca do seu canal junto ao Instituto Nacional da Propriedade Industrial (órgão responsável pela concessão de registro de marcas e outros tipos de propriedade intelectual). O youtuber fez o registro de sua marca em 2016, após ganhar o primeiro Botão de Ouro, mas você não precisa esperar ter 1 milhão de seguidores e correr todo esse risco até decidir registrar sua marca.

Já o influenciador e comediante, Felipe Neto, optou por fazer o registro de sua marca em duas das 45 classes possíveis para o registro. O youtuber tem marcas registradas nas classes 28 (produtos relacionados a jogos) e 41 (serviços de entretenimento). Dessa forma, Felipe Neto garante confiança em parcerias na representação de marcas relacionadas a games e se assegura que nenhum outro canal com o nome relacionado ao seu seja criado e roube o destaque de seu trabalho.

O caminho para o seu sucesso como youtuber começa com o registro da sua marca!

Fazer o registro de marca não é um gasto, e sim um investimento. O processo pode ser um pouco complexo para aqueles que estão começando a entender sobre o assunto. Por isso, empresas especializadas, como o Ilupi, se dispõem a cuidar de todas as etapas do registro para você, youtuber e influencer. Entre em contato com os nossos especialistas e dê o primeiro passo rumo ao sucesso!

Sobre o Autor
Redator e responsável pelas redes sociais do Ilupi. Lincon Alex é estudante de Letras na UFMG e possui experiência nas áreas da educação e da comunicação. Atua na produção de conteúdo voltado ao marketing em temas como propriedade intelectual, remuneração e incentivos de curto e longo prazo.

ARTIGOS RELACIONADOS

Que tipo de marca é o ideal para a minha empresa?

Segundo o INPI (Instituto Nacional de Propriedade Industrial), uma marca é um sinal distintivo cujas funções principais são identificar a origem e distinguir produtos ou serviços de outros idênticos, semelhantes ou afins de origem diversa. Ou seja, a sua marca é o que faz com que o cliente diferencie os seus produtos e serviços de outros, associando determinadas […]

Está no Instagram? Atenção ao registro de sua marca, influencer!

Conquistar seguidores no Instagram e fazer sucesso como influencer é uma forma de trabalho super atual e que gera diversas oportunidades de ganho monetário. O Instagram é a terceira rede social com mais usuários no mundo, contando com 1,22 bilhão de usuários, sendo que 500 milhões de pessoas acessam a rede social todos os dias. […]

BBB e reality shows têm relação com registro de marca

No Brasil e em todo o mundo, os reality shows têm imensa fama e são assistidos por milhões de pessoas! Big Brother Brasil, A Fazenda, No Limite e De Férias com o Ex são apenas alguns exemplos dos reality shows mais assistidos pelos brasileiros. E embora o prêmio final ainda seja o objetivo de muitas […]

envelopephone-handset linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram